O Pastor Ronaldo Nogueira, ligado à Assembleia de Deus, membro da Frente Parlamentar Evangélica. Assumir o Ministério do Trabalho foi Deputado federal eleito por dois mandatos consecutivos, pelo PTB do Rio Grande do Sul, sendo indicado pelo partido a base do governo. 
O parlamentar de 50 anos é também graduado em Administração de Empresas pela Universidade Luterana do Brasil (Ulbra) de Porto Alegre, além de possuir especialização em Gestão Pública pela Faculdade de Economia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).
Com ampla experiência administrativa, ele foi vereador em sua cidade por quatro mandatos. Também foi secretário de Habitação e Assistência Social e de Obras e Serviços Urbanos do Rio Grande do Sul, ocupando ainda os cargos de diretor do Departamento de Transportes e posteriormente de diretor-presidente da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS).

Como deputado federal, presidiu a Comissão Especial que trata dos projetos que mudm a Lei Geral de Telecomunicações e propôs a criação do Programa Nacional de Renovação de Frota de Veículos Automotores, que cria incentivos para a substituição de automóveis com mais de 15 anos.

A proximidade do Presidente Interino da Republica com os membros da bancada evangélica tem sido uma constante desde que o então vice-presidente viu aumentar suas chances de assumir a função no Palácio da Alvorada.
Ao contrário de sua antecessora, Temer tem falado muitas vezes sobre fé, no discurso de posse, afirmou que deseja fazer um “ato religioso no Brasil”, pois a palavra religião significaria “religação”. “Vamos religar toda a sociedade com os valores fundamentais do país”, finalizou, pedindo que Deus abençoe a todos.